terça-feira

Hoje foi o dia que pudemos dizer tudo sem pensar no amanhã !

12 meses, todas as semanas, e milhares de horas faziam parte dos nossos dias. Construídos por linhas de sorrisos, enrolados pela força do amor, permanecendo na ternura de um nó, diferente mas forte. A rapidez das palavras ao inicio, fez me viciar no toque dos teus dedos, no brilho do teu olhar, no sabor dos teus lábios, na tua pele quente, no som do teu coração (..) tudo isto me levava a sonhar-te, dia após dia - desejar-te, querer-te, sentir-te - foi pouco o tempo até surgir a palavra " amo-te " . Dia 14 de Setembro. Um dia que eu nunca vou esquecer. Tanto esse como todos os outros que nos foram marcando. Todo este sentimento, até ao dia de hoje, foi sentido. Quebrámos barreiras. Deitámos pedras fora. Fugimos ao bem e ao mal. Tudo para hoje podermos estar aqui. Por mais que as coisas, hoje, não estejam iguais, este dia é nosso.
E este texto não quero que seja apenas um simples texto, como tantos outros que eu já te escrevi, não quero simplesmente mostrar a quem o possa ler. Quero dizer-te que vou estar sempre a teu lado, proteger-te de tudo e todos. Mesmo que esteja longe. Mesmo que amanhã não acordes a meu lado. Mesmo que o céu não tenha estrelas e o mar esteja sem ondas. Mesmo que o meu corpo esteja gasto, e o teu coração a fraquejar. Mesmo que eu não esteja presente e mesmo que todos estejam contra ti .. Eu vou estar aqui, e vou fazer de tudo para que esboces um sorriso.
Porque foram 365 dias a construir a nossa história. Sim, a nossa História. Aquela contada nas faces da lua. Ou aquela contada nas faces ocultas da lua.
Em que eu .. " agarro-te e começo-te a beijar o pescoço...

- Já te disse hoje que és linda?

Enquanto os meus braços envolvem o teu corpo .. tapo-te os olhos , e continuamos a caminhar ate começares a sentir a relva nos pés , ups , estás no meu quintal! Continuamos , ate chegar e eu dizer-te:

- Sabes que hoje me sinto feliz ?

E quando destapo os teus olhos, prendi lençóis em volta da sombrinha e o chão esta coberto de almofadas, velas, e o nosso jantar!

- Gostaste? ( recebo um "amei" de imediato )
- Apenas quero que te sintas tao feliz quão eu estou hoje!

Beijo te loucamente , e caímos sobre as almofadas ,

- Esta noite vou fazer de ti a Minha Mulher!

E enquanto nos envolvemos em beijos , tu paras e dizes que temos de comer , ( " alguém tem de ser responsável nesta relação " algo dito antes) .. Mas eu digo-te que fui eu que cozinhei e que não deve estar nada demais , por isso deixa me sentir o sabor da tua boca!
Eu começo a meter a mão por entre a tua blusa , enquanto vou afastando os lábios da tua boca ..

- Tens a certeza q não queres ? e sem te deixar responder volto a beijar te! Começo a despir a tua blusa.

- Quero sentir o teu corpo!

E o meu nariz toca no teu. Vou dando beijos suaves , queixo , pescoço , e começo a mordiscar te o ombro (..) tu tiras a minha blusa. Eu olho-te nos olhos , e dou-te um sorriso maroto! "

(...)

Esta é uma das histórias, e onde existe esta, existe outras tantas!

Lembras-te desta pequena parte? (7-9-2009)
" Um improviso dedicado a alguém especial,
Como tu, minha Estrela, acredita não há igual (..) "

E quando falámos de cegonhas? (7-2-2010)
"Aparentemente, duas cegonhas
Só duas cegonhas, uma imagem simples"

E dia 14 de Fevereiro?
" Mais amor? Só se te merecer a ti :$
Hoje digo-te o mesmo que te disse á meses atrás, pode demorar meses, anos até, mas tu "vais ser meu" "

E esta tua história? (23-2-2010)
" Á cabeceira da cama tinham a foto do casamento numa moldura de prata, e não havia um unico solitário dia em que não se perdessem em suspiros a olhar para ela. O dia do verdadeiro "sim" marcou-os para a vida, seria a história de amor que anos mais tarde contariam para os filhos (..) "

E esta que é a minha história? (25-2-2010)
"E como este, e esta noite, vai ficar tudo em segredo. No meu. No teu. No nosso coração.
Nos segredos dos longos mares. Naquelas ondas. Nas estrelas mais brilhantes. Na areia sem fim.
Tudo o que nos envolve.
O que é Meu.
O que é Teu.
O que é Nosso.
Sempre!"


E esta escrita por ti a relembrar o inicio? (4-3-2010)
"Dia após dia as conversas iam mudando, tonaram-se essenciais, indispensáveis. Havia sempre assunto, sempre e sempre mais e mais e mais... Ate chegarem ao ponto de a conversa mudar. Para ela as coisas tomaram um rumo que jamais poderia esperar. Aquele rapaz tornara-se em alguém de quem jamais poderia se a afastar, e tudo numa questão de dias."


E hoje?
"Pedro, posso dizer uma coisa?
- Amo-te, continuo a amar-te. Como te amei em todos os dias neste ano que passou"

Foram só pequenas passagens do que vivemos. Sabes bem o que significas para mim e tudo o resto.
E gastos pelo o tempo continuamos a brilhar como um brilho dum sorriso suave num dia de verão. Talvez seja um sonho, talvez não passe de um sonho. Mas é um sonho que ainda vou realizar. I promise!

Ligia Agostinho, Ontem, Hoje, Amanhã e depois de Amanhã :')

18 comentários:

  1. que texto tão lindo *.* que doce sentimento. beijinhos *

    ResponderEliminar
  2. Demorei a comentar - eu sei. Mas a verdade é que não sabia por onde começar. Não sabia que te dizer, ou se me conseguiria exprimir suficiente bem para te tentar explicar o que senti quando li. Não sei se mesmo agora, o consigo fazer.
    O que sei, é que foi a segunda vez que me fizes-te chorar de felicidade, a segunda vez em toda a minha vida. E como é bom sentie-te entrar pelo meu coração com essas palavras que me arrepiam ate ao ceu. Com essas nossas palavras, esses nossos dias, esse nosso amor incomum. E é tudo tao sincero, e com todos os nossos defeitos, erros, más decisões... é perfeito!! E mesmo sabendo que estas longe... sinto-te. E mesmo sabendo que nao estou ao teu lado... tens-me. E mesmo sabendo que tudo pode mudar num piscar de olhos... pertencemo-nos, apesar de todos os mas,apesar de todos os porques, apesar de todas as coisas que nao conseguimos explicar, e outras tantas que ninguem entende. Apesar de tantas maos nos quererem separar, mas o nosso nó é mais forte do que aquilo que algum dia julgamos. Talvez ate ainda nem tenhamos a noção do quão forte ele é. Mas vamos ter. Porque não te livras de mim tao cedo, nem mesmo quando a nossa pele for enrugada e nos passos mais arrastados , curtos, cuidados.E sempre, para sempre...
    am(...)

    ResponderEliminar
  3. É por estes textos que eu tenho orgulho em ser tua seguidora ou o que quiseres. Sem duvida um dos melhores blogs. Porque simplesmente és tu, os teus sentimentos, as tuas palavras e a tua forma de ser que estão nos textos e mais importante que chegam deste lado de uma forma unica. Parabens!

    ResponderEliminar
  4. Bem eu nem sei o que dizer, Fico sem palavras quando leio estas coisas que tu escreves.
    Mas não pudia passar aqui sem deixar a minha marca. Sem te dizer que adorei o que escreves.t porque sei que é mesmo isso que sentis.te nesse momento e que continuas a sentir todos os dias. E é bom saber que não tens medo de o dizer e de o partilhar com toda a gente.
    Sabes tambem que eu sou tipo uma "fã" vossa e só quero que ambos sejam felizes.

    Um beijo grande querido *

    ResponderEliminar
  5. Eu adoro piano e guns n'roses e quando vi aquela música numa versão em piano fiquei "wooow a rapariga toca super bem"!
    O outro é único, acho que poucos podem fazer aquela espécie de arte, ahaha :b
    Gosto do texto*

    ResponderEliminar
  6. Que história linda e magica, estou sem palavras .

    Beijinho *

    ResponderEliminar
  7. amanha so estou na net de tarde, domingo não sei se estou ! e a partir dai nao sei qd volto :S

    ResponderEliminar
  8. brigadão pelo comment! :)

    o mesmo posso dizer deste teu texto!

    ah! e GRANDE música!!!


    continua ;)

    ResponderEliminar
  9. es um querido kiko *.* muito obrigado *

    ResponderEliminar
  10. A dimensão desse amor e a forma como o expressaste emocionou-me!

    ResponderEliminar
  11. e eu a ti Kiko, claro :) finalmente cheguei a um ano de felicidade com o meu anjinho ♥ não podia estar a passar uma melhor fase de vida

    ResponderEliminar